Escuta aqui

Era noite.

-Escuta aqui. É a minha playlist offline.

Entregou para ela os fones de ouvido. Ela soltou o livro que estava lendo a contragosto e os colocou.

-Não gosto de Jazz! Já te falei isso umas trocentas vezes.

Ela já tinha dito outras trocentas vezes que não gostava dele, mas não saía de sua casa. Não custava nada tentar.

-Toma aqui, eu não quero ouvir isso.

Devolveu os fones e resmungou alguma coisa. Voltou a ler o livro,mas não conseguia mais se concentrar.

– O que você gosta de ouvir?

A primeira pergunta que ele fez quando a conheceu volta a tona.

-Você sabe do que eu gosto. Nada mudou.

Ficou quieto. Não parecia uma boa hora para conversar. Colocou os fones e começou a ouvir a playlist.

Era madrugada.

-Eu tenho que ir.

Soltou o livro e levantou devagar. Abriu a mochila que estava em uma cadeira da sala. Sacou o telefone e seus fones lá de dentro e entregou para ele.

-Escuta aqui! É disso que eu gosto.

Trocou os fones. Era mais do mesmo como ela tinha dito. Nada tinha mudado.

Ela partiu sem se despedir.

Anúncios