Deveras Prolixo

Falar pouco não é uma opção

Mês: novembro, 2014

Um dia

Um dia quis morrer
Hoje não morro mais

Ontem eu estava sozinha
Amanhã não mais

Depois de um dia cheio
Sinto agora mais tranquila

Amanhã é domingo
E amanhã eu não morro mais

Anúncios

#3

Você fala demais. Estou cansado de ouvir você falar as mesmas coisas de 678 maneiras diferentes.

Foi assim que Tico terminou a discussão naquele dia. Maria se voltou para a porta do quarto, mas se deteve ali por muito tempo.

Tico por muito pouco não esbarrou nela ao sair. Teve tempo ainda de sentir o perfume doce de Maria e se tocar de que estava deixando para trás algo muito importante.

Eu não sei o que fazer. Pensou Maria.

Eu não sei o que fazer. Pensou Tico.

Aparentemente nenhum dos dois estavam prontos para um relacionamento. Aparentemente ninguém está. Maria deixou sua mania de assistir séries sozinhas de madrugada para assistir com Tico quando ele podia.  Tico deixou de se preocupar apenas com seus livros e discos para se preocupar com Maria.
Os dois se buscavam todos os dias. Uns dias mais dos que os outros e todos dias se gostavam mais.
Quando Tico saiu do quarto, Maria teve tempo ainda de sentir o perfume cítrico de Tico e se tocar que estava deixando partir algo muito importante.